O comprometimento nas empresas

O comprometimento nas empresas, ou a falta dele, é um tema que sempre me intriga.

Se você trabalha em um negócio próprio ou se é gestor de equipes, estou certo de que, em algum momento, deve se perguntar se a sua equipe é, verdadeiramente, comprometida.

Se você é um colaborador de uma empresa, talvez nunca tenha pensado sobre esse assunto. Ou, quem sabe, afirme ser comprometido, porque “cumpre com todas as suas obrigações”. Será?

Comprometimento está ligado a honrar os compromissos assumidos; a fazer o que se propôs a fazer. Mas, quando se trata de comprometimento no trabalho, isso vai muito além de cumprir horários ou uma lista de atividades diárias.

José Roberto Marques

Nas palavras de José Roberto Marques, coach, autor de dezenas de livros e CEO do IBC (Instituto Brasileiro de Coaching), estar comprometido “significa assumir postura e atitudes favoráveis para o crescimento da empresa. Trata-se de estar verdadeiramente envolvido, sendo ativo e participativo com os projetos, propondo possibilidades de melhoria e aumento de resultados e, principalmente, tomando ações concisas com as metas e objetivos almejados”.

Comprometer-se é agir com total responsabilidade e interesse pelos resultados, e não apenas pelas tarefas designadas. É empenhar-se ao máximo, é buscar alternativas, é persistir, é exigir de si mesmo alto rendimento e alta produtividade, é agir, incessantemente, até que os objetivos sejam atingidos.

Em todas as esferas da vida, os resultados dependem de uma infinidade de fatores, muitos deles fora do nosso controle. No entanto, é somente com o comprometimento que podemos assumir o comando, reduzindo a influência do acaso.

Em contrapartida, a falta de comprometimento gera desperdício de tempo, de energia e de recursos, levando, geralmente, a resultados pífios, muito distantes dos objetivos.

É muito comum nas empresas posturas do tipo “já fiz a minha parte” ou “o problema não é meu”, as rixas entre departamentos, o empurra-empurra de responsabilidades, o adiamento (procrastinação) de atividades difíceis e a atenção total ao relógio de ponto.

Se isso é comum para você, quero apenas lembrar que o barco pode até começar a afundar de um lado só, mas levará todos com ele para o fundo, se não estiverem comprometidos em levá-lo, navegando, até o porto.

Portanto, reflita sobre suas atitudes e comportamentos no trabalho. Você, sua equipe, seus colegas de trabalho, têm sido, verdadeiramente, comprometidos? Como andam os seus resultados?

Lembre-se: empresas e carreiras só crescem com comprometimento e resultados positivos.

Eu sou Fabio Frasson, escritor e palestrante. Espero ter contribuído com seu caminhar.

Desejo a você muito sucesso e resultados extraordinários.

Vamos juntos, evoluindo sempre! Até a próxima!

Capa ebook Como Fazer sua Empresa Crescer

Clique na imagem e Baixe GRATUITAMENTE o e-book “Como Fazer a Sua Empresa Crescer”.

Adoraríamos saber o que você achou desse artigo. Deixe seu comentário!